Quinta, 02 de Dezembro de 2021 07:32
(86) 99861-1711
Internacional Pfizer

Com uso de Drones Pfizer alcança lugares remotos na África

Zona rural receberá vacinas

12/11/2021 19h17
Por: Caio Reis Fonte: www.infomoney.com.br
Com uso de Drones Pfizer alcança lugares remotos na África

Sobre as densas florestas e fazendas de cacau da região de Ashanti, em Gana, uma frota de drones zumbia a caminho do distrito central de Bosomtwe. Ao chegar ao destino no domingo, o veículo vermelho e branco lançou pacotes térmicos de paraquedas contendo a carga há muito aguardada pela comunidade de Kokodei: frascos com a vacina da Pfizer contra a Covid-19.

Nos próximos dias, esses drones vão lançar dezenas de milhares de doses desenvolvidas pela Pfizer e BioNTech em algumas das zonas rurais mais remotas e acidentadas de Gana, como parte da iniciativa para fornecer acesso mais equitativo às vacinas. A cada quatro minutos, do amanhecer ao anoitecer, drones operados pela Zipline deixarão os centros de distribuição com as vacinas. Sua missão é levar doses a 40% da população de Gana.

Esta não é a primeira vez que a Zipline trabalha com vacinas e suprimentos para tratamento da Covid, mas o imunizante de RNA mensageiro, altamente eficaz, exige condições rigorosas de armazenamento em temperaturas ultrabaixas. Até que estejam prontas para uso, as doses da Pfizer-BioNTech devem ser armazenadas em temperaturas de -90C negativos. Gana está entre os muitos países de renda baixa e média que não possuem equipamento e infraestrutura para armazenar e entregar essas doses.

“Quando você sai da cidade, chega a lugares onde fazer entregas pode ser um pesadelo”, disse o vice-presidente sênior da Zipline para a África, Daniel Marfo, em entrevista. “Esta é realmente a etapa final: lugares onde o acesso rodoviário é terrível, onde as mudanças das condições climáticas podem isolar comunidades, onde rios ou lagos separam as pessoas da área continental.”

O governo dos EUA doou as doses da Pfizer-BioNTech por meio da Covax, programa apoiado pela Organização Mundial da Saúde, e Gana recorreu à Zipline para fazer as entregas. No total, a startup transportará 50 mil doses da Pfizer-BioNTech em nove distritos da região de Ashanti – conhecida pelo artesanato de ouro, cacau, café e fazendas de óleo de palma, um lago meteorítico e chuvas fortes – além de outros distritos mais ao norte e oeste.

O programa é um passo importante para aumentar a imunidade à Covid ao redor do mundo, não apenas em países ricos, que têm sido criticados por acumular vacinas, particularmente as de RNA mensageiro fabricadas pela Pfizer-BioNTech e Moderna. Embora os EUA tenham prometido doar mais de 1 bilhão de doses a países mais pobres, muitos continuam sem acesso. As empresas também foram criticadas por não disponibilizarem as doses de maneira mais ampla.

Ele1 - Criar site de notícias